Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

0.87 cêntimos

0.87 cêntimos

O perdão

Helena, 15.04.24

Nem sempre é fácil perdoar quando nos fazem mal. O ideal é afastarmo-nos e esquecermos o assunto.

That´s it. Morreu ali o assunto e nunca mais voltamos a ver a pessoa. Essa é a forma mais fácil.

Porém, às vezes poderá não ser tão fácil. às vezes há situações que voltam a revolver os nossos pensamentos.

Remoemos no que nos fizeram, como fizeram etc.

E não é fácil, eu sei.

Uma vez li num livro que se algo nos acontece é porque temos que desenvolver uma parte, ou a parte que nos falta para que os sentimentos fiquem apaziguados dentro de nós.

Por exemplo, aqui será o perdão.

E às vezes enquanto nos perguntamos interiormente " o que é que eu fiz para me tratar assim?", por exemplo, verificamos que o problema nunca foi nosso, mas do outro.

A responsabilidade não era nossa.

Depois enquanto nos apoquentamos o quanto mal nos fizeram sentir, verificamos que estamos presos à situação e que só há uma forma de sair da mesma.

Qual? Perdoarmos a nós mesmos primeiro, e depois ao outro que nos fez mal. Esse perdão que nos concedemos a nós e ao outro é o que nos permite libertar da situação. 

Permite-nos seguir em frente e não estar agarrado mais à situação.

 

Boa semana. Take care.